Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT


Draw Plus (Starter Edition) e mais ferramentas gratuitas (SE) da Serif

Já não me recordo se anteriormente vos apresentei aqui no EVTdigital alguma das ferramentas da Serif. Reconheço nesta empresa Inglesa uma forma muito interessante de atuar. É que a Serif vai muito mais além da sua vertente comercial, disponibilizando ferramentas gratuitas de muitas das versões proprietárias que lança. Mas disso falaremos mais adiante. Vamos agora reter-nos numa delas: o Draw Plus (Starter Edition).

O Draw Plus (Starter Edition) é a versão gratuita do software com o mesmo nome, apenas tendo algumas limitações de ferramentas de edição em relação à versão comercial. É um programa de desenho vetorial e ilustração, muito bom, estável e simples de utilizar com muitas potencialidades de trabalho em contexto educativo, em especial nas disciplinas de EVT ou EV.

Tal como no recurso divulgado antes deste, o Draw Plus é mais um software que em contexto de sala de aula pode ser quase potencializado ao limite quando utilizado o quadro interativo. Nada como experimentarem esta versão gratuita. No final deste artigo deixaremos um pequeno vídeo tutorial que encontramos no YouTube e vão perceber facilmente a quantidade de ferramentas que são disponibilizadas e a quase infinidade de opções que temos para pôr em prática certos trabalhos com os nossos alunos. Seja para desenho ou pintura mas também para elaboração de cartazes e muito mais. Aliás, em contexto de EVT (ou até EV ou outras disciplinas) podemos trabalhar as seguintes áreas de exploração e conteúdos: Comunicação, Espaço, Estrutura, Forma, Geometria, Luz-Cor, Medida, Trabalho, Construções, Desenho, Fotografia, Impressão e Pintura.

Mas antes de terminarmos com o vídeo tutorial, o Draw Plus não é a única ferramenta da Serif com versão gratuita (Starter Edition). Há mais, muitas mais, e que podem ser utilizadas em EVT. No sítio da Internet da Serif, na secção Free Downloads encontram ferramentas (softwares) para Paginação (Page Plus), criação de página Web (Web Plus), Photo Plus (para edição e tratamento de imagem), Panorama Plus (para criação de fotografias panorâmicas), Movie Plus (para edição de vídeo)… e ainda o Craft Artist (para digital scrapbooking) e ainda um pacote de templates para websites e outros conteúdos.

Experimentem e fascinem-se…

Aqui fica o vídeo tutorial do Draw Plus SE…

Anúncios

InkScape

 E para terminar as apresentações de hoje, a divulgação de mais um software livre, no caso, um dos que devem conhecer. É para desenho vetorial e chama-se Inkscape.

 

 Para desenho vetorial existem, de facto, muitas alternativas no mercado. Pois é, mercado… Corel, Adobe e outras, são todas software proprietário e muitas vezes bem pago. Assim, para as nossas escolas, nada melhor que poupar no orçamento e utilizar o Inkscape. Tem a vantagem de poderem descarregar a versão em Português para Windows ou Linus (sendo que também funciona em Mac, com alguma prática – devem ver o link para perceber como os utilizadores de Mac podem usar o Inkscape).

É um programa de código aberto, livre, que nos permite em EVT explorar vários tipos de desenho (e pintura), podendo-se realizar cartazes, desdobráveis, logótipos e uma quase infindável tipologia de atividades. Podemos explorar áreas e conteúdos da EVT (e EV, por exemplo) como: Comunicação, Espaço, Estrutura, Forma, Geometria, Luz-Cor, Medida, Trabalho, Construções, Desenho, Fotografia, Pintura e Impressão.

 Aqui fica um vídeo tutorial, em Português (do Brasil), entre os muitos que podem encontrar no Youtube. E não se esqueçam: este é um software livre!…


Sk1 Project

Conhecem um programa de desenho vectorial chamado Corel Draw? Pois bem, o sk1 Project é, passe a redundância, um software open source praticamente igual ao Corel Draw. Com a vantagem de ser completamente livre mas, para alguns (ou muitos), a desvantagem de apenas estar disponível para sistemas operativos Linux.

Aconselho vivamente a experimentarem este software e certamente ficarão surpreendidos com as suas potencialidades no desenho vectorial e com a rapidez de processamento já que estamos a falar de uma ferramenta para Linux.

Apesar de alguma complexidade em muitas das ferramentas deste software, pode ser explorado em EVT para projectos simples de paginação, desdobráveis, desenho, ilustração e outros que a imaginação e a criatividade “chamarem”. Ainda em contexto de EVT, apesar de explorações mais abrangentes dependendo dos contextos específicos, podemos explorar as seguintes áreas e conteúdos: Comunicação, Forma, Desenho, Luz-Cor, Pintura. Mas… já sabem, dependendo dos projectos que se desenvolvam, podemos ir muito mais além.

Como não encontrámos nenhum vídeo tutorial, aqui fica uma imagem do programa e vejam as semelhanças bastante grandes com o Corel Draw.


Cloud Canvas

Hoje, no último dia de 2010 recebi uma prenda de Natal atrasada da minha amiga Teresa Pombo. Uma prenda especial. Uma nova ferramenta digital para aqui divulgar. Chama-se Cloud Canvas e é verdadeiramente extraordinária, garanto-vos.

Esta ferramenta é bastante recente e criada com a nova tecnologia html5, portanto, óptima para utilizar em dispositivos móveis. Para acederem a esta ferramenta vai-vos ser pedida uma autenticação de conta de Gmail e têm que permitir o acesso à vossa conta. Portanto, quem não tem conta do Gmail deve criar uma.

O Cloud Canvas tem acesso directo à ferramenta bastando carregar AQUI, depois de se terem autenticado no Gmail.

Mas para que serve esta ferramenta? Simples, é uma ferramenta de Desenho Vectorial, que funciona online, muito interessante e intuitiva com um conjunto de ferraamentas bastante interessante e suficiente para utilização em contexto de EVT. Permite que possamos guardar os trabalhos em formato SVG (vectorial) ou exportar os trabalho realizado em formato de imagem PNG.

Agradeço mais uma vez à Teresa Pombo ter-me dado a dica para esta ferramenta e, já agora, para algumas de muitas outras que tenho aqui divulgado.

Resta-me deixar-vos o repto para experimentarem o Cloud Canvas pois seguramente vão gostar.

Termino dizendo que dado ser uma ferramenta bastante recente ainda não consegui encontrar nenhum vídeo tutorial para ela. Quanto à sua utilização em contexto de EVT pode ser importante para, integrada a sua utilização numa determinada Unidade de Trabalho, explorar as seguintes áreas e conteúdos: Forma, Desenho.